Petrópolis Convention e Visitors Bureau

Agenda

O que está acontecendo

Exposição "O Pequeno Príncipe visita o Palácio Itaboraí"

21 jan - 29 mai

Exposição "O Pequeno Príncipe visita o Palácio Itaboraí"

De 21 de janeiro a 29 de maio, apreciadores do principezinho e do autor desse clássico da literatura universal terão a oportunidade de vivenciar a exposição “O Pequeno Príncipe visita o Palácio Itaboraí”, uma iniciativa do Fórum Itaboraí: Política, Ciência e Cultura na Saúde em parceria com o Instituto Municipal de Cultura e Esportes - IMCE e a La Grande Valée. A mostra traz curiosidades e informações sobre como o Pequeno Príncipe e a Aéropostale estão conectados: conta quem foi Saint Exupéry, onde ele trabalhava e como se deu o início da escrita e concepção de sua famosa obra literária. Quem visitar a exposição também poderá conhecer – ou reencontrar – alguns personagens que fazem parte da jornada do principezinho, como a Raposa e o Carneiro. Há, ainda, uma seção em que os visitantes poderão deixar suas mensagens para o mundo, registrando-as em estrelas que permanecerão penduradas em galhos. E mais: na “mesa do escritor” uma história já iniciada estará aberta para cada pessoa que quiser escrever um pequeno trecho e, juntos, construirmos uma grande história a diversas mãos.

O Palácio Itaboraí, sede do Fórum, fica à rua Visconde de Itaboraí, 188, Valparaíso, em Petrópolis, e a mostra pode ser visitada de segunda a sexta, de 8h30 às 16h30, e aos sábados, de 9h às 16h. Classificação etária: livre.

Mais informações: http://www.forumitaborai.fiocruz.br/noticias_eventosexposicoes

Palácio Itaborai saiba mais

Exposição Natureza Viva

8 mar - 29 mar

Exposição Natureza Viva

O Shopping Estação Itaipava convida para a exposição da artista, Mônica Neder, “Natureza Viva”, que acontece de 8 a 29 de março, na Galeria Cultural do Shopping Estação Itaipava. O evento está disponível para visitação gratuita do público.

Mônica afirma que a cor é a sua paixão e a natureza sua mestra. “Nesta exposição, utilizei o voil de algodão branco como base para aplicar as tintas. O uso de aguadas descontroladas transformaram ideias iniciais e me ensinaram a esmiuçar o potencial de cada mancha, de cada superfície colorida que definiram flores, folhas, pássaros e insetos que formam esta Natureza Viva”.

A artista é arquiteta e foi professora adjunta da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), no Instituto de Artes e Design. Ao propor práticas experimentais aos seus alunos na UFJF, inquietou-se o suficiente para reiniciar os trabalhos criativos em seu ateliê. Além de experimentar novas formas com a criação a partir do draping, começou a pintar novas combinações de cores em desenhos sobre papel, voil de algodão, lona e porcelana.


Local: Galeria do Shopping Estação Itaipava

Abertura: 8 de março às 19h

Horário de visitação:
Terça: 14h às 19h
Quarta e Quinta: 13h às 19h
Sexta: 13h às 20h
Sábado: 10h às 21h
Domingo: 10h às 19h


Shopping Estação Itaipava
Estrada União Indústria, 11.000
(24) 2222-6266


Shopping Estação Itaipavasaiba mais

CaminhaDown Petrópolis 2020

29 mar - 29 mar

CaminhaDown Petrópolis 2020

O encontro começou pequeno: amigos e familiares de pessoas com síndrome de down se reuniam no Centro da cidade perto do Dia Internacional da Síndrome de Down para uma caminhada que tinha como objetivo conscientizar a população sobre a necessidade de inclusão deste público. O tempo passou e, com o apoio de parceiros e voluntários, esta reunião cresceu. No ano passado, entrou para o calendário oficial de eventos da cidade e, com carro de som e camisas personalizadas, o grupo hoje chama mais atenção do que nunca. Agora, quer aproveitar este momento para ampliar o alcance de sua voz: pessoas com síndrome de down são como todas as outras e precisam de oportunidades.

Em Petrópolis, apesar de o Dia Internacional da Síndrome de Down ser celebrado no dia 21 de março, a caminhada será realizada sempre no último domingo do mês, de acordo com o calendário oficial de eventos da cidade. Este ano será no dia 29 de março, com concentração na Praça da Liberdade. O local de chegada ainda não foi definido, porque o Palácio de Cristal, que sediou o evento no ano passado, está fechado para obras. O tema deste ano será “Nós Decidimos”, seguindo orientação da Federação Brasileira das Associações da Síndrome de Down. O objetivo é mostrar que pessoas com down também participam da tomada de decisões, em qualquer aspecto da vida.

Paula Nicolay, mãe de Thomás, de 9 anos, que tem síndrome de down, diz que é preciso fazer a voz do grupo ecoar por toda a cidade e, quem sabe, além das fronteiras de Petrópolis. “A caminhada tem nos dado mais visibilidade. Está crescendo a cada ano. No ano passado reunimos mais de mil pessoas. Distribuímos camisas do evento, lanche para as crianças e oferecemos uma manhã de diversão no Palácio de Cristal, com brinquedos e recreação. Foi um momento de integração fantástico. Agora queremos fazer ainda mais. Queremos montar mais kits, fazer mais camisas, oferecer outras atividades. Também vamos orientar sobre questões jurídicas e benefícios, como a lei que permite a aquisição de veículos com desconto”, explica.

Além de buscar empresas que possam apoiar o evento, o grupo também conta com o apoio de pessoas físicas. Para facilitar este contato, criou uma vaquinha online, que tem como meta arrecadar R$ 10 mil. “Tudo o que for arrecadado será empregado na realização do evento. Temos apoiadores entrando com dinheiro, mas buscamos parcerias também. Um mercado, por exemplo, pode ajudar com os lanches e as frutas, por exemplo. Além da infraestrutura, com carro de som, faixas, banheiros químicos e tendas, vamos oferecer oficinas e brinquedos e tudo isso tem um custo. Faremos o máximo possível, de acordo com o que conseguirmos”, diz ela, que já tem o apoio do SMH, Laboratórios Baffi, Brasas e Aires da Motta Advogados. O Petrópolis Convention & Visitors Bureau também garantiu apoio e vai promover um jantar para arrecadar fundos para o evento.

O grupo espera conseguir também oferecer música e, quem sabe, um foodtruck no local de chegada da caminhada. “Nossa ideia é fazer um evento maior e melhor do que o do ano passado. Entendemos que isso atrai a atenção das pessoas e proporciona um ambiente de interação entre todos, com ou sem síndrome de down. Precisamos ampliar nosso alcance. Queremos ser ouvidos. Pessoas com síndrome de down são como as outras. Elas estudam, saem com os amigos, namoram, trabalham. Têm uma sensibilidade enorme. É a falta informação que cria uma barreira para o desenvolvimento desses indivíduos”, explica.

Responsável pela inclusão da caminhada no calendário municipal de eventos, Hingo Hammes lembra que o apoio da população é fundamental. “A caminhada é uma oportunidade para que todos - com ou sem a síndrome - se encontrem, troquem informações e criem uma grande corrente para acabar com o preconceito e garantir mais oportunidades a essas pessoas", explicou.

Quem quiser ajudar, é só entrar no site www.vakinha.com.br e digitar Caminhadown Petrópolis 2020. É possível apoiar o evento doando qualquer valor.

O que é a síndrome de Down? (*dados da Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down)


A síndrome de down é uma alteração genética presente na espécie humana desde sua origem. Foi descrita como tal há 150 anos, quando John Langdon Down, em 1866, se referiu a ela pela primeira vez como um quadro clínico com identidade própria. Desde então tem-se avançado em seu conhecimento, ainda que existam mecanismos íntimos a descobrir. Em 1958, o francês Jérôme Lejeune e a inglesa Pat Jacobs descobriram de maneira independente a origem cromossômica da síndrome. Foi quando ela passou a ser considerada uma síndrome genética.

A síndrome de down é gerada pela presença de uma terceira cópia do cromossomo 21 em todas as células do organismo (trissomia). Isso ocorre na hora da concepção de uma criança. As pessoas com síndrome de Down, ou trissomia do cromossomo 21, têm 47 cromossomos em suas células em vez de 46, como a maior parte da população.

As crianças, os jovens e os adultos com síndrome de down podem ter algumas características semelhantes e estar sujeitos a uma maior incidência de doenças, mas apresentam personalidades e características diferentes e únicas.

As pessoas com síndrome de down têm muito mais em comum com o resto da população do que diferenças. Se você é pai ou mãe de uma pessoa com síndrome de Down, o mais importante é descobrir que seu filho pode alcançar um bom desenvolvimento de suas capacidades pessoais e avançará com crescentes níveis de realização e autonomia. Ele é capaz de sentir, amar, aprender, se divertir e trabalhar. Poderá ler e escrever, deverá ir à escola como qualquer outra criança e levar uma vida autônoma.

Números
Estima-se que, no Brasil, a trissomia 21 ocorra em 1 a cada 700 nascimentos, o que totaliza em torno de 270 mil pessoas com síndrome de down.

Nos EUA, a organização National Down Syndrome Society (NDSS) informa que a taxa de nascimentos é de 1 para cada 691 bebês, sendo em torno de 400 mil pessoas com síndrome de down.

No mundo, a incidência estimada é de 1 em 1 mil nascidos vivos. A cada ano, cerca de 3 a 5 mil crianças nascem com síndrome de down.



Fonte: Agenda Petrópolis

Centrosaiba mais

Bauernfest 2020

16 jun - 5 jul

Bauernfest 2020

Em breve, mais informações!

- Data sujeita a alteração. 

Cidade Imperialsaiba mais

11º Festival de Fondues, Racletes, Caldos e Cremes

1 jul - 31 jul

11º Festival de Fondues, Racletes, Caldos e Cremes

A 11ª edição do Festival de Fondues, Racletes, Caldos e Cremes de Petrópolis, que será realizada em julho, promete esquentar o inverno na cidade serrana. Entre os estabelecimentos participantes do evento, com menus super especiais, estão, restaurantes, bares, bistrôs, hotéis e pousadas. 

“O festival já é um evento consolidado dentro da programação de inverno da cidade. Atrai turistas e também os moradores da cidade, que encontram nos restaurantes, bares, bistrôs, hotéis e pousadas o melhor da nossa gastronomia, com o charme da serra”, lembrou o presidente do PC&VB, Samir El Ghaoui.


Cada estabelecimento é responsável por criar os quitutes de inverno que serão oferecidos em seus cardápios, participando com uma ou mais opções. Além das famosas racletes de queijos suíços, os deliciosos fondues de carne, queijo e chocolate, e os variados caldos e cremes, alguns empresários usam e abusam da criatividade para atrair a atenção e os paladares mais exigentes.


O 11º Festival de Fondues, Racletes, Caldos e Cremes de Petrópolis será realizado de 1º a 31 de julho. 


Em breve mais informações.
*Programação sujeita à alterações sem aviso prévio.


Petrópolissaiba mais

Bunka-Sai

13 ago - 16 ago

Bunka-Sai

Data sujeita a alteração. Em breve mais informações.

Palácio de Cristalsaiba mais

Serra Serata

9 set - 13 set

Serra Serata

Data sujeita a alteração. Em breve mais informações.

Cidade Imperialsaiba mais

XX Petrópolis Gourmet

11 nov - 22 nov

XX Petrópolis Gourmet

Um festival cheio de sabores, história e cultura. A verdadeira celebração dos prazeres da boa mesa em diversos restaurantes, praças, espaços públicos, shoppings e mercados montados especialmente para o evento.       

O evento que será realizado de 11 a 22 de novembro, vai reunir chefs renomados. 

A história de Petrópolis vai ganhar cores e sabores com a 20ª edição do Petrópolis Gourmet. 

O Petrópolis Gourmet é uma realização do Petrópolis Convention & Visitors Bureau, com curadoria de um Comitê Gastronômico formado por chefs e empresários do setor. 


Em breve mais informações.
*Programação sujeita a alteração. 

Petrópolissaiba mais

siga-nos em nossas mídias sociais